quarta-feira, 5 de novembro de 2014

Fim do casamento de Kaká e Carol Celico é confirmado pela assessoria do jogador

O casamento de Kaká e Carol Celico parece ter chegado ao fim depois da onda de rumores que se espalhou em junho deste ano. Na época, tanto o jogador quanto a cantora se esforçaram em negar os rumores, mas agora, o fim do relacionamento já não é mais negado pelos dois.
De acordo com informações do site Ego, a assessoria de imprensa do jogador evangélico confirmou que ele e Carol já não dividem o mesmo teto: “Eles estão separados, mas não posso dar nenhum detalhe. É algo particular deles”, disse um dos assessores de Kaká.
Há pouco menos de um mês, Carol havia publicado uma foto no Instagram de um pingente com as letras iniciais dos nomes de Kaká (Ricardo), Luca e Isabela, com a legenda “agora vou carregar todos os dias no meu coração as iniciais dos amores da minha vida”. No entanto, a imagem foi apagada posteriormente.
Casados desde dezembro de 2005, Kaká e Carol tiveram dois filhos: Luca, nascido em 2008; e Isabella, nascida em 2011. À época do casamento, Kaká era membro da Igreja Renascer em Cristo, e sua esposa se converteu à fé evangélica e acabou se tornando pastora da denominação.
Em 2010, Kaká e Carol deixaram a denominação por discordarem da doutrina pregada pela igreja e também por conta dos escândalos envolvendo os líderes da denominação. “Foi um baque perceber que estava querendo agradar mais a pessoas do que a Deus. Olhando as atitudes dos meus líderes, percebi situações em que a palavra não condizia com a atitude. Na igreja, eu era superheroína da fé, superpastora, mas chegava em casa tratava mal a pessoa que trabalhava para mim”, disse Carol à época.
Dois anos depois, a mãe de Kaká, Simone Leite, também deixou o posto de bispa na Renascer e se desligou da denominação, também tecendo duras críticas ao casal responsável pelos rumos da igreja: bispa Sonia Hernandes e apóstolo Estevam Hernandes.